25
mar
11

quarta temporada de fringe confirmada

fringe2Depois de uma certa apreensão dos fãs, a Fox anunciou a renovação de Fringe. O medo começou quando a emissora decidiu mudar o horário da série para sexta a noite, slot que é conhecido por sepultar diversas séries da Fox. Mas o medo agora passou e, em comemoração, iniciarei minhas análises sobre essa que é uma das melhores séries nerd da atualidade.

Início Complicado

A primeira temporada de Fringe foi, sinceramente, difícil de engolir. Com um estilo meio Arquivo X, a série nos mostrava casos inexplicáveis, conspirações e, pra variar, agentes do FBI no meio de tudo. O problema é que nos episódios tipo “mistério da semana” era sempre revelado que tudo se tratava de experimentos “científicos”. Era exatamente nisso que a série perdia feio pra Arquivo X. Nesta, os mistérios eram relacionados a lendas geralmente conhecidas por nós(ETs, lobisomens, fantasmas, etc), o que nos dava uma certa curiosidade para saber se eles iriam dar uma explicação científica ou sobrenatural. Os mistérios de Fringe, porém, não empolgavam e não consegui passar do quarto episódio.

Uma outra realidade

Um belo dia, porém, ouvi uma pessoa falando que a série estava abordando realidades alternativas. Fora isso, percebi que as notas dela no IGN estavam excelentes, então decidi dar uma nova chance à série. Pra minha surpresa, a série acabou virando a minha favorita da atualidade(ou então segunda favorita na época de Lost).

Embora pouquíssimos episódios da primeira temporada prestassem(uns 5, no máximo), esta teve um término excelente. Com o título “Há mais de um de tudo”, esse episódio nos apresentou à uma outra realidade, onde as torres gêmeas ainda estavam de pé e dirigíveis voavam pelo céu de Nova York. A segunda temporada, então, mostrou-se bem melhor que a primeira, deixando de lado diversas péssimas idéias abordadas anteriormente.

De fraca na primeira temporada e boa na segunda, Fringe  passou a ser uma série bem acima da média na terceira. Com duas Olivias(a protagonista da série), duas realidades, obvervadores(homens que não estão sujeitos ao tempo), civilizações mais antigas que os dinossauros e diversos outras idéias interessantes, essa é úma série que recomendo a todos os leitores do Lixão Nerd!

Anúncios

4 Responses to “quarta temporada de fringe confirmada”


  1. 1 xisberto
    25/03/2011 às 8:17

    Faz tempo que eu penso em assistir essa série, mas nunca começo. Cada vez mais pessoas que eu conheço recomendam.

  2. 3 Lena
    14/04/2011 às 9:39

    Concordo que fringe é uma otima série, mas nao concordo que a 1ª temp foi “muito ruim”, ate pq que muitos fatos foram explicados nas outras temporadas, um exemplo do que to dizendo é a questão do âmbar que na 1ª temp um cara “sequestra” um onibus e ativa o âmbar (mas os bishop’s em geral a equipe fringe não entendem bem o que seria aquilo) e na 3×14-6B já conseguimos entender toda a historia de âmbar e o Dr Bishop já que fazer para nossa realidade, entao fringe é uma série que provoca a pessoa que esta assistindo e as três temporadas foram OTIMAS, pois eles revelam grandes coisas em pequenos detalhes…espero que a quarta tbm seja…

    • 4 Wendel Cavalcante
      14/04/2011 às 15:37

      É bom encontrar mais pessoas que gostam da série.
      Não gostei muito do início da primeira temporada. Aliás muitos que eu conheço desistiram de assistir Fringe pq consideraram o início fraco.
      Por isso que eu sempre digo que vale à pena aguentar até o fim da primeira, pois, como você disse, diversos casos meia boca vão ganhando importância no decorrer da série.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: